quarta-feira, 10 de março de 2010

O sonho do coração e o sonho da mente




O sonho projetado na mente não depende das circunstâncias. Por que, então, a maioria dos sonhos não se realiza? Por que muitos se sentem deprimidos e fracassados quando um sonho não se cumpre? Porque esses sonhos são projetados no coração e, por isso, estão sujeitos aos próprios sentimentos para se tornarem realidade. A esse respeito, Jeremias (17.9) diz:"Enganoso é o coração, mais do que todas as coisas, e desesperadamente corrupto; quem o conhecerá?". O coração é só uma fonte de emoções e sentimentos; de fantasias e ilusões. Assim, também todo sonho nele projetado.Todos sabem que, para que um sonho se torne realidade, é necessário enfrentar lutas e dificuldades. Há milhares de barreiras a vencer para a conquista de um sonho. No entanto, pode-se esperar que, da fonte de todas as emoções – o coração – surja uma fé perseverante para conquistar um sonho se essa fonte só tem sentimentos inúteis e ilusórios? Claro que não! Seria o mesmo que preparar uma criança para a guerra.

O coração é impotente e impróprio para enfrentar qualquer tipo de dificuldade, pois não foi feito para lutar, mas para sentir. É incapaz de inspirar a melhor direção, de inspirar algo realizável. É incapaz de lutar e de fazer a escolha certa. Ele depende exclusivamente das circunstâncias para manter vivos seus sonhos e esperanças. Toda vez que um sonho é projetado dentro dele e conta-se com a "sorte" para realizá-lo, surgem logo pequenos e crescentes problemas que fazem-no desanimar.

Entretanto, quando os sonhos são projetados no espírito, na mente, no intelecto, apoiados na Palavra de Deus, então, é impossível não se tornarem realidade. Por que? Porque o sonho projetado na mente jamais deixa de existir por causa das circunstâncias, pois há uma consciência de que sua realização dependerá da sua perseverança. Assim como o agricultor depende da terra para plantar e colher os seus frutos, quem tem uma mente cristã depende da Palavra de Deus para realizar seus projetos e jamais desanimará diante dos problemas.

Enfim, independentemente do que os seus olhos físicos vêem, o sonho se mantém firme. Os seus olhos são espirituais, por isso vêem o invisível e crêem no impossível. Ainda que as condições sejam desfavoráveis, o verdadeiro cristão crê no cumprimento da Palavra de Deus. Aquele que suportou o sofrimento e a dor, como nunca se viu em toda a história, símbolo de perseverança e de fé, afirmou: "Se projetas alguma coisa, ela te sairá bem, e a luz brilhará em teus caminhos" (Jó 22.28).

Deus abençoe a todos.

Bispo Edir Macedo

Nenhum comentário:

Postar um comentário