Pesquisar este blog

sexta-feira, 2 de abril de 2010

O QUE UM (A)OBREIRO (A) NÃO DEVERIA FAZER.

Recebi esse artigo por e-mail e achei super interessante,e estou compartilhando com vocês.
Leiam com muita atenção! Às vezes precisamos rever alguns conceitos.
O Que um (a)obreiro (a) não deveria fazer.

* Trabalhar na reunião com a cara emburrada.
* Não olhar nos olhos do membro em um atendimento; demonstra falta de interesse.
* Não auxiliar a abertura da Bíblia quando o Pastor anuncia um Livro, capitulo e versículo;
Chegar em cima da hora da reunião (salvo quando vem do trabalho)
* Ficar de papo (conversa) na porta da igreja ou fora dela;
* Se esconder em uma sala sem algo a fazer para a reunião que está acontecendo;
* Ser preconceituoso
_ Não saber entender um homossexual, ou uma pessoa que ainda não está alicerçada na fé Cristã, que passa muito tempo manifestando na igreja. (Imagine se alguém fizesse isso com você na época em que chegou a IURD,certamente não estaria hoje entre o corpo de obreiros)
* E após o tchau do pastor, pegar a bolsa e sair sem atender o povo, sem arrumar a sala de unção e sem a oração de entrega com os obreiros que trabalharam na reunião.
* Não auxiliar nos principais cultos de domingo -7h e 9h30. (Salvo quando a obreira trabalha)
* Trabalhar apenas quando é Santa Ceia;
* Trabalhar no culto apenas para distribuir envelopes ou segurar a sacola.
* Fazer apenas o que o Pastor manda ao invés se mostra voluntário as líderes de Culto;
* Não limpar o salão após o culto .
* Não recolher do altar pedidos de oração, envelopes devolvidos ou qualquer coisa deixada no altar;


Esse é alguns dos motivos porque muitos membros,jovens e evangelistas, não procuram mais os obreiros (as) .
Vamos vigiar em nossas atitudes, zelar pela unção que nos foi dada pelo Espírito Santo.
Somos de Deus,separados por Ele para fazer parte dessa grande obra que é a IURD. Não podemos deixar que essas “coisinhas” venham minar a nossa fé fazendo com que venhamos ficar indiferentes na obra.
Mais vamos sim cuidar da nossa salvação e do que nos foi confiado por Deus; AS ALMAS.

Nenhum comentário:

Postar um comentário