quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

"O relacionamento acabou precisa acabar também?"

, o


Quando um relacionamento se finda, é muito comum as pessoas quererem se livrar do sentimento de amor pelo ex companheiro(a). Aprenda a não tornar o amor um problema nesses momentos. A pessoa finaliza o relacionamento, e agora o que ela quer é que imediatamente o amor se finalize também. Acontece que muitas vezes o relacionamento chega ao fim justamente porque não há mais amor. Porém, em outros casos ocorre por outros motivos. O casal briga muito, não há compatibilidade, ou qualquer outro motivo. O fato é que em alguns casos o relacionamento acaba, mas o amor não. E o problema começa quando a pessoa julga que isso é um problema.Nesse caso, a pessoa acredita que não se é permitido amar uma pessoa com a qual não se relaciona mais. Que mal há em amar alguém que não é mais nosso companheiro? Se você está passando por essa situação, deve se fazer essa pergunta de forma a buscar uma resposta verdadeira.O fato de o casal ter se separado não é razão para que o amor também acabe. Às vezes temos a tendência de confundir as coisas. Amor e relacionamento não são as mesmas coisas. Às vezes estão juntos, mas não são a mesma coisa. O fato do relacionamento ter acabado não implica em querer acabar com o amor também. Até porque isso seria uma agressão consigo. Se o amor está aí, que mal há nisso? Temos em nossa cultura a tendência de exclusivar o amor. Como se o amor fosse algo limitado, e que só pudesse ser direcionado a uma única pessoa. E talvez por isso algumas pessoas se apressem tanto em querer arrancar um amor do coração.Não se preocupe quanto a questão se o amor terminou ou não. Não problematize algo que não é um problema. O amor nunca é um problema. A sua interpretação dessa situação sim é um problema. Isso muitas vezes acontece por conta da nossa possessividade. Acreditamos que se amamos alguém, esse alguém tem de ser "nosso". Primeiramente vamos salientar que ninguém é de ninguém, o que eu quero explicar, que ninguém é propriedade de ninguém, O Amor não traz certificado de propriedade, e sim de cumplicidade e dedicação ao seu companheiro(a).E aí você fica confusa, sem saber como se comportar, já que em sua cabeça, provavelmente passam pensamentos do tipo " se eu o amo, devemos continuar juntos". Quando na verdade nem sempre isso se confirma na prática.O amor é algo muito positivo, que constrói, então, por que querer se livrar dele? Permita que o amor viva. E com o tempo, ele vai ganhando a sua real dimensão. Ele irá se acomodar de forma menos expressiva dentro de seu coração. Vai se colocar em seu devido lugar naturalmente.Tudo o que você dá atenção floresce. Uma planta regada todos os dias floresce. Um animalzinho bem tratado é saudável. O mesmo ocorre com o amor. Se você problematiza o fato de ainda amar o seu ex, e fica tensa por isso, a tendência é que o sentimento vá se tornando doentio. E o que naturalmente se calaria em pouco tempo, fica gritando dentro de ti por muito tempo, e em alguns casos para o resto da vida . Quando um relacionamento acabar e o amor não, oque devemos fazer nos jogar inteiramente nos braços do pai”DEUS” somente ele com sua infinita bondade vai curar as marcar dos passado e abrirá um caminho de felicidade para você, curando seu coração. Não se atormente, creia em um “Deus” que te põe de pé e te fortalece, é só você querer.

Um forte Abraço a Todos’ Que Deus os abençoe.

Postado por Obreira Simone ♥ Ungida do Senhor ♥

Nenhum comentário:

Postar um comentário